Meus Vídeos... Sim são os meus! ^^

Loading...

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Filho de peixe... Peixinho é (flashback)


 Em um dos dias mais frios que senti na praça, não vi outra solução a não ser sentar na escada do coreto onde batia o sol de forma mais direta (\o/), e pra quem me conhece sabe que eu adorooo ficar no sol.
Tinha esquecido de levar meu livro e pra meu azar, nem o MP4 lembrei de levar..então fiquei literalmente atoa, apenas observando. Não senti tédio porque mesmo que ficasse ali sem nada pra fazer por mais de uma hora, sempre tem algo que me chama a atenção...dito e feito....
 Pra começar o *Tiozin estava lá(kkkkk) azucrinando os cavalos da PM, tentando tomar banho na fonte e outras coisas mais... depois de um tempo vi uma moça (aparentemente 26 anos) empurrando sua filinha(3 aninhos) em cima de um skate. Ela estava deitada em cima do shape(parte superior do skate). A menina era tão pequena que cabia certinho no tamanho do skate. Achei muito bunitin. Mas, o mais legal veio depois.
 Do nada apareceu O Pai, que me lembrava um amigo de escola que tive (Dudu), a fisionomia era muito parecida e assim como meu amigo, o pai estava em cima de outro skate remando em volta do coreto. Eis que do nada(tbm) aparece um menino (aparentemente 5 anos) em cima de um skate menor tentando remar meio desengoçado e perdendo o equilibrio.
 "A cena que vi a seguir foi linda... nunk vi a união de uma família tão....tão..alternativa.... hahahahaha e no mundo em que vivemos isso é A Raridade."

O pai pôs o filho na posição correta e começou a mostrar como se fazia: - põe um pé no skate e outro no chão com firmeza, não sinta medo, senão vai cair, agora como se você quisesse andar com um pé só, você rema"
 O menino ouvia o pai como se fosse um mestre de artes marciais, rsrs, ele não interrompoeu o pai nenhuma vez durante a explicação e assim que terminou de ouvir pôs em prática. Ele ainda vacilou umas três vezes e o pai gritou do lado de cá: Esquece o medo... finge que o skate ta colado no pé!!!
 O menino firmou de novo e começou a remar quando conseguiu velocidade o pai deu outro grito: põe os dois pés...os dois pés...põee!!!!
 A miniatura do pai(pq um era a cara do outro) fez certinho, ele não ficou mais de 10 segundos em pé, mas conseguiu por os dois pés no shape sem cair e permaneceu até perder velocidade e parar, ele só deu um tropecinho e acabou caindo, mas não foi durante a pequena corrida.
 O garoto todo feliz por ver a reação de orgulho do pai correu até ele onde foi abraçado recebendo palavras de incentivo e de parabenizações. A irmanzinha no outro skate estava sentada no seu skatizinho tbm, observando tudo e batento as palminhas a pedido da mae.
Foi inesquecível.
Depois disso os quatro foram embora: a mae levando a filha por uma mão e segurando o skate dela na outra mão, e o pai e o filho remando juntos até onde o chão é todo de pedra impossibilitando que o skate deslise.

I learned something new in that day

 Com certeza aprendi... Mais uma vez Deus me ensinando(além da pasciência de esperar de 10 a 12:00 sem livro ou musik) como Ele É com agnt, que somos filhos pequenos tentando remar no nosso pequeno espaço liso de mundo.
"Ele explikndo pascientemente como se deve fazer e nós como filhos imaturos escutando atentamente suas palavras, sem interrupção, e pondo-as em prática logo em seguida e tentando e retentando mesmo que o medo nos atinja, até conseguirmos ficar em pé."
É claro que na prática, na vivência, nós somos impacientes d+ para ouvir, temos pouco tempo d+ para não obedecer e semrpre achamos que não precisamos de ajuda, então essa relação de pai e filho (Deus e nós) hoje é difícil de acontecer, apezar de não ser impossível. Eu mesma estou tentando por em prática as coisas que tenho aprendido e sei que em breve vou estar dando loops** por ai! rsrs #pensanisso


ps: Nunk mais os vi na praça =/

legenda
*Tiozin= Aquele bebado lembra?
** Não sei se é assim que escreve o nome da manobra de skate

2 comentários: