Meus Vídeos... Sim são os meus! ^^

Loading...

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Coincidências (Flashback)


 Pra começo de conversa e pra vcs não ficarem boiando, vou contar algumas coisas sobre mim:
 Antes de nascer, meus pais tiveram aquela saudável disputa de escolher nomes, rsrs, normal. Minha mãe tinha dúvida entre: Rebeca, Raquel e Raissa*** rsrs. Meu pai gostava de Sophia.... POr um pedaço de papel... minha mãe ganhou (foi sorteio rsrs) e o nome escolhido vcs já sabem! ajsuhaush
Nasci no dia 4 de abril, mas a previsão para meu nascimento era dia pro dia 12 de abril.... ao passar dos anos não "contrai irmandade" ahuhauhs zuera...  quis dizer q não tive irmãos por um probleminha de saúde da minha MOMIS ahushas... consequência: Filha única! ¬¬
Morei em lugares diversos.. dês do mais frio até o mais quente e até parar por aki (Belo Horizonte)...

 Sabendo dessas informações leia o texto abaixo:
(rsrssrsrs)
 Esse dia eu tava péssima... horrivelmente péssima, mas para os curiosos, isso vai ficar em segredo... rsrsrs
 Não tinha livro, meu Mp4 tava meio pifado e provavelmente era o 3º ou o 4º dia de aula (lembro pq tinha acabado de comprar um caderno).
 Arrumei um banco mais próximo do corredor central da praça, pq tava tudo cheio, incluindo o coreto... sentei e me contentei em apenas ficar olhando akeles coqueiros gigantes  mergulhados na luz do sol, e assim minha "péssimidade" e ansiedade foram melhorando (um pouco). Eu tava mega viajando, olhando pro céu... distração nakele dia era apelido.
 - Oi moça! posso sentar do seu lado ou tem alguém com vc?
 Ouvi a leve voz e me virei para encarar a dona dela. Uma moça alta e bonita, brankinha, loira com uma neném no colo empurrando com a barriga (literalmente) o carrinho da neném, cor lilás.

  Tava sozinha mesmo então deixei ela sentar.

 Por um certo tempo ficou aquele silêncio constrangedor (rsrs PI), depois a moça começou a conversar comigo. Ela me disse o nome dela mas não lembro...
 Durante boa parte da conversa a neném ficou dormindo. Enquanto isso fiquei sabendo que a moça vinha de fora, de uma cidade do interior de são paulo (mas é uma cidade grande), que o marido dela veio fazer um trabalho na area juridica por aki  e como ela estava de licensa maternidade ela acompanhou o marido para poder descansar. Enfim a neném acordou e de cara me identifiquei com ela (literalmente), parecia comigo quando eu era neném: olhos puxados, cabelo pretin e lisinho....



 Como a conversa ja tinha acabado o assunto, então eu resolvi puxar outro assunto perguntando sobre a neném.
 De cara a mãe dela me disse que a neném se chama Sophia*** e depois começou aquela listaaa de coisas novas que fazia com a filha, foi ai que reparei que era uma mãe de primeira viagem..rsrs, depois de saber como a menina sorria, que ja tentava  falar com menos de 4 meses e que  gostava de ouvir música com o pai*** -pronto ai começou a série de coincidências- eu perguntei se ela gostaria de ter mais filhos. Infelismente a moça não pode ter mais filhos e Sophia será filha única*** e o engraçado que o problema que a moça tem é o msmo que minha mãe teve***.
 Ela contou como a gravidez foi de risco e que quase perdeu Sophia, mas que no dia 12 de abril*** tudo deu certo. O médico, segundo ela, foi quase que um anjo porque ele fez um parto (que provavelmente seria com final trágico) perfeito.
 A  mãe também disse que por causa do trabalho do marido ela provavelmente teria que pedir demissão do trabalho para cuidar de Sophia e tbm para mudar de cidades várias vezes. Afinal o marido trabalha quase que viajando***.

 Sophia, enfim, resolveu interagir comigo, rsrsrs a mae queria me dar para segurar, mas meu medo não deixou (vai que faço alguma coisa errada), mas no colo da moça msmo eu brinquei com ela e ganhar o sorriso (banguela) daquela pequena criança foi meu remédio de consolo para minha "péssimidade". Realmente, quando a mae disse que o sorriso de Sophia era a coisa mais pura que ela ja tinha visto, eu tive que concordar e defender a afirmação dela. rsrsrs
Em questão de alguns seg. me veio na mente como Sophia seria daqui as uns 10 anos... conclusão: Seria exatamente como eu. rsrsrs

 Lembra do encantador de passarinhos? POis é... ele veio de novo até no banco onde estavamos sentadas e me mandou esticar a mão...akele ritual todo (ta perdido? Leia O encantador de Passarinhos http://enyfour4.blogspot.com/2010/09/o-encantador-de-passarinhos-flashback.html ) ... a mãe ficou impressionada... disse que onde ela mora é difícil ver praças "bem habitadas" e muito mais difícil ver alguém tratando bem os passarinhos.
 Sophia, como se estivesse entendendo o que estava acontecendo, soltou uma risada  tão gostosa e tão "madura", que até duvidei se ela tinha msmo só 4 meses, ou 3 meses e pouco. Nós três começamos a rir dela. Foi muito natural e "racional", se é que me entendem. Depois o encantador foi embora deixando um rastro pelo corredor para que os pombos e rolinhas o seguissem.
Logo depois a mãe e Sophia foram embora, pq ela tinha dormido de novo e a mae estava com fome (horario de almoço neh?)

Me senti muito bem o resto do dia... e o que estava me deixando triste? nunk mais m incomodou! ^^ Nada que um sorriso (banguelo) de uma neném linda e que lembra a vc msmo, não resolva! ahushaush




Ps: O encantador de Passarinhos passou no dia 27/09/2010 no MGTV 2ª ed. é óbvio que tinha que por esse vídeo aki, porém o vídeo é do site da GLOBOMINAS, então o link não incorpora no blog, só aparece o link... se a preguiça não for d+...vejam... O encantador chama Sr. Melo*** e ele aparece mais no fim do vídeo ;D
 http://g1.globo.com/minas-gerais/noticia/2010/09/mgtv-exibe-serie-especial-sobre-idosos.html ;D


Legenda: *** = Coincidências
Meu pai é Melo.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Família Perfeita (Flashback)

 Tah!... A familia, que me custou algumas horas de observação, nesse dia, não era tão bunita quanto essa da foto...mas chegou perto.
 Vocês sabem que no Brasil é difícil ver uma familía no estilo "american dream"... neh? mas eu vi...e confesso que fikei cm vontade d ter uma igual! haha Assim não quero dizer em relação a minha familia hoje (pai, mae blabla) quis dizer em relação a minha propria... quando eu tiver uma... ashauhsuahsuas
 Mas voltando ao que interessa; A família que vi era ao msmo tempo comum e incomum: Uma pai bonito, uma mae mtoo arrumada e bonita, um filho menor e uma filha maior, muito lindos tbm. A filha a cara do pai e o filho a cara da mãe. Ahhh esqueci... tinha um cachorro tbm! hahaha

Para ser mais expecífica: Uma beagle filhote. *-* Sim essa da foto ta muito fofa! ahushaush E o filhote era muito parecido com esse ai mesmo! <<<

  Bom, a princípio não vi nada que me chamasse atenção, só depois quando reparei que os pais davam, de verdade, uma atenção para as "bobagens" das crianças. Geralmente os pais vêem os filhos fazendo alguma coisa, ou os filhas chamam os pais para contar alguma coisa que descobriu como: "pai pai.. olha a folha caiu da arvore!" (coisas assim) e a reação deles(pais) ou é ignorar ou dizer: é é...ja vi.
É uma atitude normal... mas para a criança as vezes pode ser meio... frustrante, afinal ela está descobrindo uma coisa, que não é novidade, mas pra ela é!

obs:  "Não, não tenho traumas familiares de infância, e aliás tive mais atenção do que gostaria... sim fui mimada, aliás sou filha única intão isso não é surpresa =p"

  Continuando... rss Os pais daquelas crianças estavam realmente interessados nas novidades "não novas" que as elas contavam, e a menina (que era a mais velha) até estava conversando um assunto de maior relevância com o pai. Ela perguntava o porque da mudança deles, de cidade, e o pai respondia o porquê com seriedade, sem dar voltas inventando desculpas como: Ah filha, mudamos pra ficar mais perto do papai noel. ¬¬
obs: Aliás aquela cena da menina com o pai me lembrou muito eu e meu pai ^^
 Depois a mãe resolveu deixar o menino levar o cachorro par "passear" (dar duas voltinhas em volta do coreto) ahsuaushuahs mas o filhote devia ter uns 4 ou 5 meses e ja tinha uma certa força, então quando o pequeno beagle resolveu correr, ele deu um solavanco que fez o menino cair no chão. Não ri no começo pro garoto não começar a chorar, mas na hora que vi que o menino tava rindo dele mesmo.. ai não aguentei. ahsuahsuh
 Depois o pai comprou dois picolés, daqueles de R$0,50 centavos, e todos eles fizeram a maior festa com o "gelo de chocolate" ^^
 Como disse sobre a conversa do pai com a filinha, eles mudaram de cidade e acho que devem ter vindo de são paulo: 'O raio' do sotaque paulista e a cara de capitalista do pai denunciaram isso! rsrsrs

 Foi bunitin ver uma familia brasileira americanizada... srsrs pelo menos aparentemente, dentro de casa ja é outra coisa..mas não vou estragar, agora, a bela imagem que tive daquela família! ahusahush

O que aprendi naquele dia? Acho que não importa muito se a família tem a imagem de perfeita ou não... o que conta é a unidade que ela representa e isso inclui atitudes... principalmente as dos adultos, afinal seus filhos serão exatamente como eles quando crescerem. #fato ;D

ps: O Tiozin resolveu pertubar o pai... solução? O pai pagou um picolé pro Tiozin que ficou todo feliz..e com sempre foi embora  cambaleando... ¬¬ ele está em todas....




GIF Bônus:
                     
                                                                                What Hell..... ***tadinhos***

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Palhaçada (Flashback)



 Dia aparentemente normal, saindo da facul ... escada...coreto...blablabla rsrs
n lembro o que tava fazendo...
 só sei q levei um susto com um palhaço que literalmente brotou do chão e começou a gritar: LIberdade LIberdade Abra as asas sobre nós!
 Ele gritava essa frase, tão frenético que quase fazia as pessoas "normais" gritarem junto com ele.

 Não demorou muito tempo depois do meu susto (tava quase me recuperando)até que apareceu outro gritando...
pensei: "AAh pronto e eu achando que hoje ia ser um dia normal..."
 Olhei pra trás e vi um carinha com um livro de direito tributário, tentando estudar, fazendo caretas porque não estava tendo progresso no estudo. Tive que dar uns risinhos mentais. =p

 Acho que meia hora depois da primeira aparição, já tinham pelo menos uns 20 palhaços...que não eram só palhaços, tinha um tipo zé do caixão(formato magrelo e sem unhas), duas palhaças gordas, um rippie, uns 4 alternativos, 3 malabaristas, um meio o shrek só que branco.... por ai vai.

 Depois de terem corrido quase a praça toda gritando: Liberdade! Liberdade! Abra as Asas sobre nós! Eles pararam, como estátuas, e começaram a tirar fotos fazendo poses esquisitas...dakelas do tipo olhando para alguma coisa no céu...ou "olha caiu o anel" (rsrs PI**)...
 E para a palhaçada continuar...literalmente..rsrs O Tiozin apareceu!! Pronto achou a praia dele. kkk  Alguém ou "alguéns" que ele pode pertubar sem ser ameaçado de ir preso....rsrs
 
 Um homem... quer dizer o Visconde de sabugosa(careca), que parecia o líder da trupe, mandou todos fazerem um círculo e tomou  a palavra:
 " Olá pessoas! Vcs devem estar tão loucas quanto nós, pensando que diabos está acontecendo aki não é?..pois bem..hoje é o dia do teatro livre de rua e por isso estamos comemorando nossa liberdade de expressão.... blablbla"(foi o q eu consegui lembrar).

 Depois eles pegaram um textoo GIGANTE, MESMO, e leram...cada um ...um parágrafo, igual na escola quando os preofessores mandavam agnt ler um texto no livro e passava pro próximo... e por um lado era bom pq ocupava o tempo da aula toda, quando acabava o texto a aula tbm acabava! rsrsrs
"intão"... depois de lerem um tanto de arts. da Constituição federal que mencionavam a liberdade de expressão eles tiraram de suas roupas, cuecas e mochilas (tipo o Link = Zelda), instrumentos dos mais variados. Engraçado que só não tinha violão, =p mas vi flauta, xilofone, violino, bongô, triangulo.... etc... =p e no final de tudo eles soltaram balões. Até que foi divertido ver akela coisa toda... só meu colega(modo de dizer, pq não o conheço) sentado no fundo do coreto que não gostou.... mas garanto que akilo foi melhor do que Direito tributário! ahushuahs =p

aah o Tiozin?? Tava lá tentando pegar o nariz de plastico vermelho de um dos palhaços tentando falar que o sonho dele era entrar pro circo... ele quase derrubou o palhaço da bicicleta de uma roda(não sei o nome) na fonte e acho que conseguiu pelo menos uma lingua de sogra pra soprar! hahah =p

obs: A foto postada não é do dia...mas como não achei nada tão parecido e tbm esqueci d tirar foto no dia... intão pus essa que pelo menos dá uma idéia de como foi. 

ps: Quando eles soltaram os balões lembrei de um vídeo que uma amiga me mostrou a um tempo atrás... por isso vou postá-lo:
                         


;D Não chorem ^^





Legenda: PI = Piada Interna



Ps2: Clarooo que eu lembrei do Dizas*** ...afinal ele  é o é o único adulto que conheço que tem MEDO....SIM medo ¬¬ de palhaço! ahsuhaushauhsuahsuh Fiquei imaginando depois como ele reagiria se visse akele tanto de palhaço .... =p

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Click click *-*

  É... o dia hoje nao foi dos melhores não....
Me refiro ao tempo...^^ o céu tava super nublado e ainda tem uma ameaça de possível chuva de granizo para amanha(terça 28/09/10)... whatever... nem animei muito em começar a ler Brisingr (terceiro livro da triologia Eragon), o frio me dá mais preguiça do que já tenho e se eu começasse a ler provavelmente ia dormir.
Tive que me contentar em apenas ouvir meu MP4 e me concentrar em não desmaiar de sono...

obs: aliás recomendo que vcs ouçam Alter Bridge.... de preferência Watch over you ;D

  Continuando... Um grupo de jovens, de algum curso de fotografia (ou para algum trabalho em campo de alguma facul), se ajuntou em frente ao coreto recebendo instruções de uma mulher meio pscicodélica(professora) e 5 min depois sairam tirando fotos pela praça. Achei engraçado por que parecia que um aluno tinha mais moral que todos os outros. Ele ficava dando idéias para os colegas e todo lugar q ele parava pra tirar foto quase todos os outros tiravam no mesmo lugar.
Em relação as mulheres era justificável... o cara é bunitin msmo.... agora os homens era no mínimo babação de ovo...ou.... aa dexa pra lá. rsrsr
  A criatividade deles me fez lembrar, por várias vezes, eu mesma... vcs sabem que eu tenho meu lado fotográfico também neh?
                                                                          hum... ex: 

                                                                                    rsrs =p

  Eles tiravam fotos de todo tipo: combinavam um tempo certo, para quem estava com a camera, tirar a foto no momento certo que um grupo deles pulava... uma coisa tipo High School Music ¬¬
Outros calcularam o tempo que a fonte seria ligada pra tirarem fotos no momento em que ela seria ligada, para pegar o movimento fraga?=p
  Tinha também os mais conservadores que preferiram tirar fotos das plantas, dos imensos coqueiros(palmeiras sei lá) ou das pessoas que passavam vestidas de modo engraçado (emos). Enfim, depois de um tempo nebuloso, o sol deu uma aparecidinha,  *só pra me alegrar* =D... o grupo de alunos adorou também. Tiraram várias fotos de angulos, sentidos e posições diferentes, pegando a luz do sol em alguns pontos da praça.
  Quando a criatividade pareceu esgotar, todos eles reuniram na escadinha do coreto e ficaram tirando fotos deles mesmos. rsrs
  Eles devem ter ficado mais tempo por lá... dessa vez eu q fui embora primeiro.

  Mas foi legal ver pessoas com um Hobby igual ao meu... me deram até idéias para novas fotos...para amanhã quem sabe! rsrsr ;D

Ps: Nem fiquei no coreto hoje pq o Tiozin tava dormindo lá... ¬¬


GIF Bonus:
Imagina quando tirar carteira o.O
ps: Sempre que tiver, vou postar um GIF bonus para um poquinho de diversão ;D

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Crianças, Música...Turistas ^^


   Depois de quase uma semana sem ir à praça... HOje finalmente eu fui. =D
 Até que não aconteceu muita coisa diferente não, pelo menos a parte das crianças foi a mesma... pena que não pude tirar foto delas, quer dizer, poder eu podia, mas fiquei com receio de tirar e as maes não gostarem por isso evitei as fotos.

  Assim... o que hoje me fez querer escrever sobre as crianças, foi só pelo fato de que hoje tinha muito mais do que o normal. Normalmente aparecem de 6 a 8 crianças, na faixa de 1 à 4 anos. Mas hoje tinham mais de 20, ahsuaushas, tava muito engraçado. Eram muitas risadas gostosas e cada nenem mais lindo q o outro. Como sempre, tinham mais meninas, e todas sapecas. Rsrsr
  Estava sentada no coreto terminando(finalmente) meu livro. Ai, uma menina, Laylla, rsrs, sentou do meu lado e começou a me imitar. Rsrsr Acho que ela tinha uns 3 aninhos. Parece com uma india: morena de olho puxado e cabelo liso.
Achei mó graça ela sentada da msma forma que eu e me olhando como se esperasse que eu fosse falar com ela. =p
Fiquei só rindo, até porque não queria desconcentrar do livro. Mais tarde subiram mais três meninas com duas responsáveis: Sofia, Raquel e Rebeca... ficaram mais de 10 min correndo em circulos em volta da estrela(rosa dos ventos na vdd) do chão. E as responsáveis pelas meninas ficavam falando "nenês" como se elas entendessem... bom pelo menos elas achavam engraçado a enchurrada de palavras esquisitas e de sons animalescos. =p
  Depois ouvi ao fundo um violão... não.. dois violões, ai não resisti tive que parar de ler pra ver de onde vinha o som.
 obs: Sei que é comum ver gente tocando violão em praça, mas até hoje não tinha visto ainda na praça da liberdade... pelo menos não de manhã.
Eu não consegui ouvir direito qual música que eles estavam tocando, mas pareceu ser algo clássico, porque um dedilhava um solo e o outro fazia a base...e quando é assim, quase sempre é música de partitura, ou seja, clássica.
  Fiquei um tempo observando os dois garotos mais um terceiro que só ouvia... no fundo senti uma pontada de inveja... eu queria estar com meu violão lá também, mas com tanta coisa pra levar  e ainda voltar de onibus... isso me desanima de levar meu violão de manhã.
De repente um aglomerado de pessoas surgiu no meio da praça, gritando, gargalhando e no fundo, lá na rua, um onibus d turismo...
  obs: **Turistas ¬¬
Pareceram vir de um lugar onde só tem prédio porque ficaram mais de meia hora atormentando os cavalos da PM e tirando fotos das arvores...
  obs: quando não é o Tiozin, é gente de fora... e muitaa gente..
A maioria dos que atormentavam os pobres cavalos eram as crianças aborrecentes. pena que quando minha Máquina fotográfica resolveu funcionar a aglomeração ja havia dissipado ¬¬


Bem depois de um tempo ouvi duas peruas escandalosas puxando fortemente o "r" e conclui que elas só podiam ter vindo de são paulo... rsrs
o pior do estardalhaço foi na hora que a fonte ligou... NOssaaa que escandalo....... ¬¬ como diz o Lucin: " Essas misérias criadas em Apartamento" quando saem de casa tudo é novidade! ahsuhaush

Hoje foi mais simples, mas deu pra curtir um pouco. ^^

"I got sunshine in my bag" ;D


ps: HOje o Tiozin não apareceu oO

AAh! a foto do violão, ta parecendo d+: Dizas, rafa e David! ahushauhs (só pra quem conhece)

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Filho de peixe... Peixinho é (flashback)


 Em um dos dias mais frios que senti na praça, não vi outra solução a não ser sentar na escada do coreto onde batia o sol de forma mais direta (\o/), e pra quem me conhece sabe que eu adorooo ficar no sol.
Tinha esquecido de levar meu livro e pra meu azar, nem o MP4 lembrei de levar..então fiquei literalmente atoa, apenas observando. Não senti tédio porque mesmo que ficasse ali sem nada pra fazer por mais de uma hora, sempre tem algo que me chama a atenção...dito e feito....
 Pra começar o *Tiozin estava lá(kkkkk) azucrinando os cavalos da PM, tentando tomar banho na fonte e outras coisas mais... depois de um tempo vi uma moça (aparentemente 26 anos) empurrando sua filinha(3 aninhos) em cima de um skate. Ela estava deitada em cima do shape(parte superior do skate). A menina era tão pequena que cabia certinho no tamanho do skate. Achei muito bunitin. Mas, o mais legal veio depois.
 Do nada apareceu O Pai, que me lembrava um amigo de escola que tive (Dudu), a fisionomia era muito parecida e assim como meu amigo, o pai estava em cima de outro skate remando em volta do coreto. Eis que do nada(tbm) aparece um menino (aparentemente 5 anos) em cima de um skate menor tentando remar meio desengoçado e perdendo o equilibrio.
 "A cena que vi a seguir foi linda... nunk vi a união de uma família tão....tão..alternativa.... hahahahaha e no mundo em que vivemos isso é A Raridade."

O pai pôs o filho na posição correta e começou a mostrar como se fazia: - põe um pé no skate e outro no chão com firmeza, não sinta medo, senão vai cair, agora como se você quisesse andar com um pé só, você rema"
 O menino ouvia o pai como se fosse um mestre de artes marciais, rsrs, ele não interrompoeu o pai nenhuma vez durante a explicação e assim que terminou de ouvir pôs em prática. Ele ainda vacilou umas três vezes e o pai gritou do lado de cá: Esquece o medo... finge que o skate ta colado no pé!!!
 O menino firmou de novo e começou a remar quando conseguiu velocidade o pai deu outro grito: põe os dois pés...os dois pés...põee!!!!
 A miniatura do pai(pq um era a cara do outro) fez certinho, ele não ficou mais de 10 segundos em pé, mas conseguiu por os dois pés no shape sem cair e permaneceu até perder velocidade e parar, ele só deu um tropecinho e acabou caindo, mas não foi durante a pequena corrida.
 O garoto todo feliz por ver a reação de orgulho do pai correu até ele onde foi abraçado recebendo palavras de incentivo e de parabenizações. A irmanzinha no outro skate estava sentada no seu skatizinho tbm, observando tudo e batento as palminhas a pedido da mae.
Foi inesquecível.
Depois disso os quatro foram embora: a mae levando a filha por uma mão e segurando o skate dela na outra mão, e o pai e o filho remando juntos até onde o chão é todo de pedra impossibilitando que o skate deslise.

I learned something new in that day

 Com certeza aprendi... Mais uma vez Deus me ensinando(além da pasciência de esperar de 10 a 12:00 sem livro ou musik) como Ele É com agnt, que somos filhos pequenos tentando remar no nosso pequeno espaço liso de mundo.
"Ele explikndo pascientemente como se deve fazer e nós como filhos imaturos escutando atentamente suas palavras, sem interrupção, e pondo-as em prática logo em seguida e tentando e retentando mesmo que o medo nos atinja, até conseguirmos ficar em pé."
É claro que na prática, na vivência, nós somos impacientes d+ para ouvir, temos pouco tempo d+ para não obedecer e semrpre achamos que não precisamos de ajuda, então essa relação de pai e filho (Deus e nós) hoje é difícil de acontecer, apezar de não ser impossível. Eu mesma estou tentando por em prática as coisas que tenho aprendido e sei que em breve vou estar dando loops** por ai! rsrs #pensanisso


ps: Nunk mais os vi na praça =/

legenda
*Tiozin= Aquele bebado lembra?
** Não sei se é assim que escreve o nome da manobra de skate

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Lila??? (Flashback)



AAhhh esse dia eu ri..... ahsuahsuhaus acho que de todos os momentos "diferenciados" que aconteceram na praça, esse foi o mais doido pra mim... especialment pq adoroooo cachorros e com exclusividade: labradores.

  Como sempre...eu e meu livrinho num banco perto da fonte do coreto.... os pombos estavam  o de sempre tbm: Ciscando compulsivamente o chão, da até vontade as vezes d sair correndo atras deles, ainda mais quando estão todos aglomerados no msmo lugar! kkkk
   observei as crianças cm suas respectivas mães brincando, o "senhor"*** alimentando as rolinhas(especie de passarinho pra quem n sabe), o Tiozin** quase caindo da escada do coreto e uma vozinha um pouco atrás de mim gritando : Lilaaaa, volta aki!!!
  É claro q m chamo atenção! Me virei e vi uma golden retrivier filhote! Aah! ela é linda d++
obs:depois desse dia a vi algumas vezes mais.
 Pelo tamanho eu deduzi que ela tinha uns 6 meses, e como todo filhote de 6 meses, tem que sempre aprontar muitooo! rsrsrsrs
 Voltei a ler o livro e a prestar atenção no movimento dos pombos que estavam proximos a mim...
obs: Só pra constar: Eu detesto pombos, são mto nojentos...se eles ficam a uma distancia razoavel eu não ligo mas se chegar mto perto ai eu faço eles "vazarem" rapidin....
  Umas três pags, do meu livro, viradas e achei curioso os pombos ficarem estranhamente quietos e todos olhando para o mesmo lugar.
 Vi tbm dois garotos no coreto olhando pra msma direção dos pombos cm a diferença que ambos sorriam cm um certo entusiasmo.
  Até cair a ficha vi que quase todo mundo, exceto as crianças e eu, olhando pro msmo lugar  ai pensei:
-Eu hein? E eu achava os emos daki estranhos....
Resolvi olhar tbm, como uma boa curiosa. Foi só olhar pra ter a msma reação de todo mundo ali.
  "Senhorita Lila parada atrás de um dos postes de luz, da praça, com um patinha no ar virada pra baixo, orelhas firmes e meio agachada olhando fixamente o grupo de pombos"
Taaah eu sei q é normal cachorros terem instinto e blablabla mas akela cena tava mtooo legal.
 Lila andava devagarzinho e a cada passo q dava e levantava a patinha (como akeles desenhos animados ond o cachorro quer mostrar algo q achou pro dono), os pombos davam dois minusculos passinhos para trás. Sério... tava mto engraçado.
 Uma criança do nada apareceu agarrando o pelo da Lila... tenho ctza q todo mundo pensou: AAhhh vai estragar tudo!!
hahaha quem disse? A labradora nem se mexeu, como se a criança não existisse, tamanha concentração.
De boa, Ela ficou uns 3 min nessa dancinha: Um passo pra frente .... dois passinhos pra trás.
 Quando um dos pombos ameaçou decolar ela atacou. hahaha foi mto doido... ela entrando no meio do alvoroço de pombos voando sem saber q direção tomar. A reação de todo mundo foi a msma , lógico, todos cairam na gargalhada(só um nenem chorando pq assustou cm a revoada dos desengonçados dos pombos).
 Foi divertido ver Lila "caçando" ou tentando caçar pombos.
Ela ainda tentou algumas vezes mas acabou cansando e a dona resolveu ir embora.

ps: aaa o Tiozin bebado depois resolveu correr atras dos pombos tbm... tentando imitar a cachorra... ¬¬ éee ele vai aparecer em quase todas por aki!
kkkkkkk ***  =D

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

O Bebado (Flashback)

Obs: Antes d tudo preciso falar que hoje não fui na praça por falta de tempo..então quando isso acontecer postarei apenas os flashbacks ;D


  Em uma das vezes que fui à praça, antes da aula, tinha sentado num banquinho mais proximo à rua para não perder tempo quando fosse descer a rua da facul. Abri a mochila e peguei minha biblia. No dia eu estava lendo romanos, quase no finzinho eu acho. Uns 3 min de leitura e vi pelo canto do olho alguém se aproximando. Por impulso virei a cabeça e vi um moço..não tão desarruamdo quanto um mendigo, mas tbm não tão arrumado como alguém normal. Ele tava com a perna quebrada e cambaleava muito...conclusão: Bebado.
Ele parou na minha frente e analisou a cena: Uma garota lendo uma biblia na praça por volta de 7:45 am....
só vi que ele estava muito bebado mesmo quando começou a falar(e muito alto por sinal): - Isso ai é a palavra de Deus?
Respondi que sim....(obvio)
-aaa muito bom moça.... eu tinha era que parar de beber e tentar ler isso dai... mas ja desisti... deixo ir embora antes que alguém chame os guardinhas pra mim....
 Sem saber o que falar apenas comentei que ele não deveria desistir de tentar ler a biblia... ele olhou pra tras e murmurou alguma coisa que não intendi... fiquei rindo depois, o jeito dele era engraçado.
 Acabei vendo o sujeito quase que todos os dias. Ele mora por ali mesmo apesar de não parecer um morador de rua; apenas parece um cliente muito vip de butecos.
como não sei o nome do cara e com certeza voltarei a menciona-lo em minhas postagens resolvi chama-lo de Tiozin*** rsrsrs ele m tira boas risadas. Aah... nunca vi ele bebendo ou com uma garrafa de cerveja, cachaça(whatever) na mão e nem pede dinheiro... mas ele está sempre bebado e recebendo uns trocados no gorrinho dele que fik jogado no chão. O povo passa e as vezes da dinheiro quando o vê dormindo. =p Conclui que o cara ja deve ter bebido tanto na vida que o alcool só pode ta no sangue dele agora... não é possível! ahsuahsuhasuhas o cara é muito locão... mas as coisas que ele apronta contarei em outros flashbacks... ja q eles têm outros acontecimentos mais importantes e mencionar o Tiozin vai ser apenas para uma comédiazinha no post... =p
;D

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

O encantador de passarinhos (flashback)

 Não lembro direito a data, muito menos o dia, só lembro q tinha ido com minha mãe resolver algumas questões na facul e  sentamos na praça para descansar uns minutinhos.


 Depois de um tempo conversando, reparei em um menino no banco visinho. Ele estava parado olhando para um monte de rolinhas e pombas que ciscavam compulsivamente o chão. Atrás dele havia uma senhora e um senhor que conversavam... mais tarde percebi q a senhora era avó do menino.


 Ver o menino ali, parado, não foi o que me chamou a atenção, mas sim a sua calma. Ele devia ter uns 5 ou 6 anos e nessa idade não existem (pelo menos nunk tinha visto) crianças como akele menino tão calmo. Normalmente, era pra ele fik correndo atrás das rolinhas, chutando os pombos, tacando pedras... coisas desse tipo.
O mais incrível pra mim foi um pequeno gesto que ele fez e com toda doçura possível: Ele esticou o pequeno bracinho e três rolinhas voaram para o braço dele.
Eu fiquei estática. Comentei com minha mãe no msmo momento e ela tbm ficou impressionada com o menino. Não tinha comida na mão dele nem nada... o menino apenas observou quieto, agachou levemente e esticou seu bracinho.
As rolinhas não pareciam ter medo dele e ele tampouco tinha intenção de maxuca-las.
De certa forma aquilo me comoveu.
 
 Estamos vivendo num stress tão grande, que o normal(como eu disse antes) é ver crianças hiperativas, mal educadas e que não conseguem respeitar os animais e nem os seus responsáveis, embora eles sejam culpados por essa deficiência já que eles não educam mais seus filhos por estarem preocupados d+ com interesses próprios.


 Ao perceber todos os fatos, me senti feliz ao final daquele momento por ver que até nessa regra há exceções. Pude contemplar naquele dia um pouquinho da Graça de Deus que está presente nesses pequenos acontecimentos, e que acontecem a todo momento, mas por distração dos problemas não os percebemos.

"I learned something new in that day"

ps: Antes de ir embora naquele dia, o senhor que conversava com a avó do menino se aproximou e disse: Estica a mão garota!
Eu obedeci achando aquilo engraçado... o senhor despejou uma quantidade de alpiste na minha mão e um monte de rolinhas voaram para o meu braço se empoleirando e comendo o alpiste. O senhor tinha ido embora sem dizer mais nada a não ser: "Estique sua mão".
Eu vejo esse msmo senhor todos os dias na praça alimentando os pombos e as rolinhas... e até hoje eu estico minha mão e msmo sem alpiste uma ou duas rolinhas voam em meu braço, do mesmo jeito com aquele menino... ^^

A Fazenda 3

Vcs devem estar nesse exato momento se perguntando: What Hell is that??? A fazenda 3? #fail
Calmaaa...heheh
Hoje terminei minha prova de Direito Penal e fui pra praça com meu livro(Eldest)... como de costume. Me sentei na escada do coreto até que... de repente... um bandoooo de adolescentes loucas e desvairadas(literalment) começaram a gritar e a correr por todos os lados! Ouvi algumas gritando: -É ela sim fulana!! Já vi ela na Tv....
e outras: -Claro q não! É diferente... pod ser da Tv mas n é ela não!

Ai ja pensei: Putz...alguém famoso.... parece que ver um famoso de perto da mais emoção do que se o próprio Jesus aparecesse ali... AFF
bom fui olhar para o cerne de toda a confusão... vi dois carinhas, uma câmera e uma lora magrela, que, de vdd nunk vi na minha vida. Fiz todo o esforço possível mas aparentemente não vi famoso nenhum... só uma equipe de filmagem e uma magrelinha dando autografos para ver se as malucas a deixavam em paz... até passar uma moça (meio estilo alternativo) segurando em uma das mãos o q eu deduzi ser o script. Tive certeza quando bateu um vento que tirou o tal papel da mão dela e caiu virado com o verso pra cima e vi o Senhor logotipo "A fazenda 3" com akele galinho q até virou brinquedo agora!

Ai que não fez mais nada de sentido... que eu m lembrasse As Fazendas* só acontecem em Sp... numa cidadizinha que visitei um tempo atras e não m lembro o nome...só lembro q tudo lá é grande (rsrs)... então por que cargas d'água esse povo estaria aki em BH?

... foi uma pergunta retorica msmo... n m importo aonde vai ser o raio da fazenda.... rsrsr





 É claro que tive que tirar foto da estranha e bizarra cena da moça magrela (que em breve vcs verão na TV)gravando ñ sei o que pra record... e agora vc pergunta: "o que aconteceu com as Malucas de 13 anos?"
hahahahahaa O Alvoroço tava tão grande que o produtor da record teve que pedir para a Pm e os guardinhas municipais tirarem as garotas e isso foi feito em menos de 2 min.
obs: Ri mto disso!!

Depois de alguns min ensaiando e dando gafes a tia** lá conseguiu gravar e em seguida foram embora.

Resumindo... hoje foi apenas um dia para Rir mto!^^

ps: aaa eu confesso que vi as 2 fazendas...e gostei... haushuasuahsuh #cadaumcomsuafutilidade ;D